• Contraste
  • Texto
mulher loira com mapa na mão decidindo qual passeio fará em Londres

Por Redação Wizard
23 de novembro de 2019

Vai viajar para Londres e não quer gastar muito? Conheça 10 passeios gratuitos para fazer em Londres sem pesar no bolso!

Uma das coisas mais importantes para realizar uma viagem ao exterior é ter condições financeiras. Isso porque esse é um grande investimento. Mas a necessidade de um alto investimento não impede um amante de viagens de realizar esse tipo de passeio.

Se estiver nos seus planos viajar para Londres, não deixe de ler este artigo até o final. Você vai conhecer 10 passeios imperdíveis e gratuitos para fazer na Europa!

Royal Opera House

Essa é a principal casa de espetáculos do bairro Covent Garden e uma das mais importantes do mundo. Para os amantes de ópera, o passeio gratuito é imperdível. Basta ficar atento a um detalhe: é necessário fazer uma reserva pela internet 9 dias antes do evento.

The Scoop

Scoop é como se chama o anfiteatro ao ar livre. Ele está localizado no lado sul do rio Tâmisa, próximo à Tower Bridge (sobre a qual você vai saber mais no final do artigo), em Londres.

Com capacidade para receber 800 pessoas, o auditório tem uma das arquiteturas mais interessantes da cidade e, no verão, se torna uma atração. Afinal, ninguém quer perder a chance de assistir às peças, aos filmes, às danças e aulas aeróbicas exibidos e ministrados, gratuitamente no local.

British Museum

O British Museum, ou Museu Britânico, em português. Normalmente, é o passeio escolhido pelos turistas que apreciam arte e história e optaram por conhecer Londres. A arquitetura e o teto de vidro, com certeza, estão entre as características marcantes presentes nos inúmeros espaços dessa atração.

St Martin-in-the-Fields

Alguns turistas consideram a igreja St Martin-in-the-Fields um ambiente moderno. Situada em Trafalgar Square, uma praça localizada no centro de Londres, a catedral prega a inclusão e a tolerância religiosa. Além de convidar músicos clássicos em início de carreira para se apresentarem em seus eventos.

Holland House

Holland House é um parque que une vegetação londrina aos aspectos artístico e histórico da cidade. Dentro dele, há uma mansão que, até o fim do século 19, era o espaço das artes nobres, onde Lorde Byron rascunhou seus primeiros textos.

Após a Segunda Guerra Mundial, o lugar foi reconstruído, e o gramado do casarão foi nomeado como Parque Holland. Na mansão, há ainda o jardim japonês Kyoto Gardens.

British Library

Este é um destino que pode ser considerado queridinho por quem ama ler um bom livro. No entanto, os atributos atrativos desse ponto turístico de Londres não se limitam aos livros. Nessa livraria, os corredores profundos e o pátio de entrada são de tirar o fôlego.

Columbia Road

Caminhar na Columbia Road também entra para a lista de passeios incríveis ao ar livre em Londres. Aos domingos, o endereço vira um mercado de flores com lojinhas ao longo de sua extensão.

Covent Garden

Toda viagem costuma incluir visitas a lugares de consumo. Clássicos por despertarem nos turistas aquela vontade de comprar lembrancinha para todo mundo. Nesse sentido, Covent Garden resguarda, além da Royal Opera House, outras características ainda mais atrativas. O bairro é charmoso, repleto de lojas e bons restaurantes.

Tower Bridge

Não que as outras não sejam, mas esse lugar é uma boa pedida para quem gosta de tirar fotos. Caminhar na ponte, de ponta a ponta, é um prato cheio para realizar vários registros.

Mas, se ainda for pouco, tem mais: em alguns momentos, a ponte se abre para permitir a passagem de barcos mais altos. Isso pode te render mais fotos!

Cabines de telefones

Por último, mas não menos importante: é evidente que as clássicas cabines de telefone vermelhas p-r-e-c-i-s-a-m ser visitadas. Não perca a oportunidade de tirar uma foto dentro de uma delas e levar com você a marca registrada da visita feita a Londres!

Conclusão

Londres é uma cidade repleta de arte e história, além de ser um ótimo destino para passar as férias ou fazer um intercâmbio para estudar inglês. No entanto, antes de se aventurar em terras britânicas, é importante você já ter uma certa fluência no idioma, ou pelo menos, já estar estudando.

Hoje em dia para aprender inglês é essencial estar em um curso de qualidade, que ensina uma segunda língua de forma diferenciada. Nos cursos da Wizard você vai encontrar exatamente tudo que precisa para aprimorar seu inglês rapidamente.

Com mais de 30 anos de história, mais de 1.200 escolas espalhadas pelo Brasil, a Wizard oferece 8 cursos de idiomas e uma proposta de ensino única. Para conhecer mais da metodologia Wizard, aproveite a promoção! Clique aqui para ganhar 4 aulas grátis de inglês, e ir viajar tranquilo, sem passar aperto com a língua.

E aí, já visitou esses lugares da lista? Tem mais algum para acrescentar? Então compartilhe nos comentários!

Este artigo foi útil para você?

Tags:

viagem

O que achou da postagem?

0 Comentários

0 Comentários

Leia todos os nossos artigos

mulher conversando com uma criança que está segurando um urso de pelúcia

Viagem

Au Pair: modalidade de intercâmbio para aprender inglês

05 de dezembro de 2019

Mulheres que buscam uma alternativa mais barata de intercâmbio, ir como Au Pair ao exterior é uma boa opção para aprender inglês. Saiba mais!

mulher com blusa amarela e mochila com celular na mão

Viagem

Vai aos EUA? 8 dicas para falar inglês na imigração americana

02 de dezembro de 2019

mulher loira com mapa na mão decidindo qual passeio fará em Londres

Viagem

Wicked! 10 passeios gratuitos para fazer em Londres

23 de novembro de 2019

Este site utiliza cookies. Os cookies nos permitem entender como os visitantes navegam no nosso site, para que possamos melhorá-lo e oferecer a melhor experiência possível. Ao acessar nosso site, você concorda com a nossa utilização de cookies.

Planos para 2020?

Chega de adiar seu inglês!

VOCÊ GANHOU 4 aulas de inglês GRÁTIS para conhecer a metodologia Wizard: