• Contraste
  • Texto

Por Redação Wizard
22 de março de 2019

As soft skills e as hard skills são bastante requisitadas durante uma entrevista de emprego ou até mesmo para uma oportunidade de promoção dentro da empresa. Mas o que são estes termos em inglês e como funcionam dentro de um local de trabalho? Confira a seguir tudo sobre essas expressões. Soft Skills – Habilidades comportamentais […]

As soft skills e as hard skills são bastante requisitadas durante uma entrevista de emprego ou até mesmo para uma oportunidade de promoção dentro da empresa. Mas o que são estes termos em inglês e como funcionam dentro de um local de trabalho? Confira a seguir tudo sobre essas expressões.

Soft Skills – Habilidades comportamentais

As soft skills são habilidades ligadas à personalidade da pessoa (tradução literal inglês-português: soft = suave; skill = habilidade). São competências que dizem respeito ao modo de se comportar e ao relacionamento interpessoal, em especial no mundo corporativo, e tem a ver com aptidões no campo da emoção. Cada profissional tem suas soft skills particulares, de acordo com suas experiências de vida, cultura e criação. Essas habilidades são muito requisitadas por sua capacidade de interferir na produtividade de todo o grupo.

Comunicação

Uma das soft skills mais apreciadas pelas empresas é a capacidade de o profissional se comunicar de forma direta e eficaz no trabalho. Parece ser algo fácil de se ter, mas nem sempre é assim. Quando você vai transmitir alguma ideia ou demanda para um colega de trabalho, é preciso que ele entenda por completo a mensagem. Cada pessoa tem um nível de interpretação diferente, por isso, é preciso que o profissional seja muito claro, principalmente na comunicação corporativa.

Criatividade

Outra soft skill importante no ambiente de trabalho é a capacidade de criar soluções e ter pensamento criativo. Por muitas vezes, as empresas precisam que seus funcionários tenham rapidez para ajudar a solucionar um problema. Uma pessoa criativa tem sempre mais chances de produzir ideias que sejam úteis nesse sentido. Algumas vagas podem exigir mais dessa característica, mas o desenvolvimento criativo é sempre bem visto por aqueles que contratam para qualquer função no mercado de trabalho.

Maturidade

Por vezes, a solução pode não vir no momento em que algum desafio aparecer. Em situações assim, outra soft skill muito procurada é a resiliência e a maturidade psicológica do profissional. O colaborador não pode se abalar e ficar descontrolado numa circunstância adversa. É preciso entender o que aconteceu e aprender com os erros, para que eles não sejam mais cometidos. Quando um profissional apresenta esse tipo de característica, é muito valorizado. Afinal, ninguém gosta de trabalhar com pessoas que ficam descontroladas em momentos de crise, não é mesmo?

Empatia

Além disso, o profissional também precisa ter a capacidade de se colocar no lugar do colega de trabalho. A competência, conhecida como empatia, pode muitas vezes ser útil para não criar desentendimentos no ambiente corporativo. Esse tipo de característica é bastante procurada para os cargos de gestores, pois eles precisam coordenar um grande número de pessoas que têm vivências e personalidades diferentes. Se esse líder tiver a capacidade de se colocar no lugar de cada um deles, ficará mais fácil interagir e exigir.

Liderança

A liderança também é uma soft skill bastante procurada. Um líder ajuda a solucionar as questões urgentes da empresa, consegue delegar funções e se colocar à frente de um projeto muito necessário. Um verdadeiro líder não espera que lhe sejam entregues funções, ele vai lá e toma a iniciativa. As empresas valorizam muito esse tipo de profissional, e essa habilidade unida com pró-atividade é importante para quem busca promoção no trabalho.

Ética

Além disso, é sempre bom lembrar que profissionais com ética sempre terão prioridade. Aqueles que tentam “puxar o tapete” do colega ou que falam mal de seus parceiros de trabalho são facilmente retirados do grupo. É preciso buscar sempre ser uma pessoa agradável e que respeita todo mundo.

Aprendizado

Outra soft skill extremamente importante é a vontade de sempre aprender mais. Quando se está em uma função, é fundamental que o profissional queira crescer e aprender com erros e acertos, dele e de seus superiores. Lembre-se que saber mais nunca irá prejudicá-lo. A paixão pelo aprender pode te levar a lugares extremamente proveitosos.

Organização

A organização também é uma das características mais valorizadas. Uma pessoa que tem organização no trabalho consegue manter o foco e apresentar seus resultados quando são solicitados. Nunca se esqueça de que ser organizado ajuda a otimizar o trabalho e a manter sua saúde mental em dia. Ninguém gosta de trabalhar em um ambiente de trabalho confuso e desorganizado.

Hard Skills – Habilidades técnicas

Por outro lado, as hard skills, habilidades técnicas de uma profissão, também são requisitadas pelas empresas e são tão importantes quanto as soft skills (tradução literal inglês-português: hard = rígido; skill = habilidade). O ideal é que habilidades sociais e técnicas apareçam juntas, para que o profissional seja ainda mais reconhecido e até mesmo promovido. Geralmente, esse conhecimento é desenvolvido com treinamento e estudo. Conheça alguns exemplos:

Idioma

Uma das habilidades mais valorizadas é a fluência em uma segunda língua. Falar inglês, por exemplo, é o tipo de competência que pode ajudá-lo na comunicação corporativa, com colegas de trabalho, clientes e até na elaboração de apresentações. A Wizard oferece cursos de inglês e outros idiomas, como espanhol e francês, que aparecem como requisitos para cargos importantes. Saiba mais sobre a escola e aproveite para estudar e se aperfeiçoar em habilidades como conversação e pronúncia correta de uma outra língua, principalmente se você atua em empresa multinacional, em que falar dois ou até mesmo três idiomas pode ser requisito obrigatório para uma promoção ou ainda transferência para unidade em outro país.

Graduação

O conhecimento adquirido em cursos de ensino superior pode ser requisito obrigatório em algumas empresas e hard skill de requisito mínimo. É preciso que o profissional seja qualificado dentro da profissão, e, se o seu nível escolar for ainda maior, com especialização, pós-graduação, mais valorizado ele será. Se você não tiver tanta possibilidade ou tempo de se dedicar aos estudos, tenha ao menos um curso técnico ou certificação para mostrar que está se aprofundando em sua área. Também confira opções de cursos de ensino à distância, que proporcionam maior flexibilidade de horário ao se qualificar.

Ferramentas

Se a profissão exigir alguma ferramenta específica, como um software de computador, ou conhecimentos sobre o funcionamento de uma máquina, é importante que você se mostre disposto a aprender. Cada vez mais as profissões em ascensão pedem o conhecimento de programas específicos, e o profissional precisa se atualizar constantemente. Busque aprender o máximo que puder sobre as novas tecnologias. Assim, suas chances vão certamente aumentar.

Conclusão

Agora que você já sabe um pouco mais sobre as habilidades que as empresas buscam nos profissionais no momento de uma contratação ou promoção, busque melhorar naquelas que você sente mais deficiência. Suas chances de conseguir aquele emprego dos sonhos ou crescimento na carreira irão, definitivamente, melhorar.

Confira também

Tags:

 

O que achou da postagem?

0 Comentários

(*)Campos obrigatórios

0 Comentários

Mulher oriental e frase sobre experimentar as aulas de inglês da Wizard com 4 aulas grátis

Cadastre-se e ganhe 4 AULAS GRÁTIS de inglês ou outro idioma!

(*)Campos obrigatórios

Mais artigos do Blog Wizard

Carreira

Como otimizar seu tempo durante o trabalho

27 de maio de 2020

Para conseguir otimizar seu tempo e manter a produtividade durante o dia, veja como evitar as distrações no trabalho e melhorar o foco!

Duas mulheres trocando conhecimentos sobre o mercado de franquias

Franquias

Know-how em franquias: o que é e como avaliar?

26 de maio de 2020

Homem estudando inglês com seu computador em uma mesa

Idiomas

Linking words: como usar os conectivos em inglês?

25 de maio de 2020

Ao acessar nosso site, você concorda com a nossa utilização de cookies. Saiba mais em: https://www.wizard.com.br/politica-de-privacidade/