• Contraste
  • Texto
jovem adolescente usando uma camisa polo listrada preto e branca de mangas curtas faz uma cara de dúvida enquanto apoia o queixo sobre a mão e olha para cima

Por Redação Wizard
15 de julho de 2022

Confira exemplos de palavras em português sem tradução para o inglês e teste o seu conhecimento.

Da mesma forma que não conseguimos traduzir todas as palavras do inglês literalmente, há diversas palavras em português sem tradução para o inglês. E, em alguns casos, não tem tradutor que dê jeito!  

Recentemente, a gente publicou no blog um post parecido, só que mostrando o inverso, ou seja, palavras em inglês sem tradução para o português, justamente para reforçar que o aprendizado de um idioma vai muito além da tradução literal das palavras e termos.  

Dessa vez, a ideia é trazer algumas palavrinhas que usamos no dia a dia no português, mas que nem sempre têm equivalentes lá fora. Bora conferir?  

Conheça 10 palavras em português sem tradução  

Se já aconteceu de você tentar procurar o significado de algumas palavras em português no tradutor e não encontrar resultados ou mesmo achar respostas meio sem nexo, relaxa!  

Na verdade, não é que o sistema ficou doido, não! É porque, realmente, alguns termos no português só existem por aqui e, nesses casos, o jeito é tentar ir atrás de um contexto geral para aplicar na tradução mais próxima.  

Para ficar mais fácil de entender, a gente preparou essa listinha de palavras em português sem tradução para o inglês. Confira!  

1. Saudade  

Claro que a nossa lista não poderia começar diferente, né? Afinal, cá entre nós, “saudade” é uma das palavras mais lindas que o nosso português poderia ter e, inacreditavelmente, ela não existe no inglês e em muitos outros idiomas.  

Sendo assim, a única forma de dizer que está com saudade de alguém em algum país de língua inglesa é por meio da expressão “I miss you”, ou seja, “eu sinto falta de você”.  

Faz sentido, mas sinceramente, passa longe do charme e beleza da palavra “saudade”, concorda?  

2. Cafuné  

Quem não gosta de um cafunezinho na cabeça ao assistir aquela série com o crush ou na hora de dormir? Pois é! Certamente, todo mundo curte esse tipo de carinho, mas só aqui pelo Brasil ele tem um nome específico.  

Na verdade, historiadores dizem que a palavra “cafuné” tem origem africana e teria sido incorporada ao português por influência da população negra que foi escravizada no período da colonização.  

Então, para se tentar uma tradução próxima para cafuné no inglês, seria algo do tipo “gentle head rub”, ou seja, “massagem suave na cabeça”. Não rola, né?  

3. Caprichar  

“Oh chefe, capricha no molho aí!” Se você já pediu isso para algum garçom, cozinheiro ou vendedor, saiba que não vai dar muito certo ao tentar fazer o mesmo lá fora.  

Isso porque “capricho” ou “caprichar” são meio que invenções do português para dizer que é preciso “melhorar” e “dar um valor a mais” a alguma coisa.  

E o mais legal disso no português é que esta palavra é quase sempre com um tom amistoso, já se ligou? Por exemplo, se você compra um crepe e pede para “caprichar” na Nutella, automaticamente dá a entender que isso será uma cortesia.  

Lá fora, no máximo, você vai pedir um “extra” no ingrediente e isso vai chegar na sua conta no final! Hehehe…  

4. Xodó  

Pergunte a um gringo se ele tem um xodó e, certamente, ele vai te olhar com cara de que não entendeu nada. Isso porque “xodó” é mais uma das palavras em português sem tradução para o inglês.  

Pode até ser adaptado para “crush”, que por sua vez, é uma palavra sem tradução no português também. Só que sabemos que o significado de xodó vai muito além de uma relação amorosa entre casais e pode, inclusive, se referir a um filho, a uma amiga ou até mesmo a um objeto ou animal.  

5. Gambiarra  

Ah, o verdadeiro segredo da “engenharia brasileira”, que nem a Nasa consegue explicar! Além das invenções mirabolantes que nós somos capazes de criar ao tentarmos consertar ou ajeitar alguma coisa, é importante ressaltar que ainda inventamos um nome específico para isso e que não tem tradução no inglês.  

Estamos falando da “gambiarra”, nosso improviso de cada dia que faz do brasileiro o povo mais criativo e inovador do mundo.  

Há quem adapte a expressão “work around” como equivalente, mas, cá entre nós, podemos chamar isso também de uma verdadeira gambiarra de tradução.  

6. Quentinha  

Também conhecida como marmitex, a nossa querida “quentinha” é mais um exemplo de palavras em português sem tradução para o inglês e que faz parte do nosso cotidiano.  

Na prática, a melhor forma para traduzir isso seria algo do tipo “packed lunch”, ou seja, literalmente “almoço empacotado”. Perde até o apetite, né?  

7. Malandro  

Malandro é malandro, mané é mané! Sem querer, a gente já trouxe duas palavras em português sem tradução para o inglês no mesmo tópico!  

Apesar de malandro poder ser traduzido literalmente para outros idiomas de origem latina, no inglês não rola de jeito nenhum. No máximo, vão querer associar algo do tipo “cheater”, como “trapaceiro” ou “mentiroso”, só que não é bem isso, né?  

E aí, aproveitando o gancho, o oposto do malandro no Brasil, ou seja, “mané” também é exclusividade nossa e vem do nome português “Manoel”.  

8. Friorento(a)  

Se você é muito friorento(a), então vai precisar explicar melhor isso ao conversar com um estrangeiro. Na verdade, a melhor forma é falar “I feel very cold”, ou seja, “eu sinto muito frio”.  

Isso porque não existe palavra equivalente que traduza de forma literal tal termo. E o mesmo vale para o oposto, ou seja, para “calorento”.  

9. Anteontem  

Outro exemplo de palavra em português sem tradução para o inglês é “anteontem”. Apesar de parecer um termo extremamente útil e óbvio, ele só existe por aqui mesmo.  

Logo, para falar com algum estrangeiro sobre o que ocorreu no dia anterior a ontem, vai ser preciso traduzir literalmente isso, falando: “day before yesterday”.  

10. Maracujá  

Um suquinho para relaxar vai bem, né? Porém, a palavra “maracujá” é de origem tupi e quer dizer “fruta que se come na cuia” (aliás, cuia é uma palavra de origem indígena incorporada ao vocabulário do português e não tem simples tradução).  

Lá fora, a nossa querida fruta é mais conhecida como “passion fruit” ou fruta da paixão, já que os exploradores associaram a sua belíssima flor à coroa de espinhos de Cristo, fazendo assim uma analogia à “Paixão de Cristo”.  

Em resumo, essas são 10 exemplos de palavras em português sem tradução para o inglês e, cá entre nós, são lindas e extremamente úteis no nosso dia a dia. O único problema é que a gente tem que se desenrolar para explicá-las a um estrangeiro!  

Curtiu? Quer dominar o inglês de verdade e com uma metodologia muito melhor que qualquer tradutor? Então, corre lá na página da Wizard e saiba por que a escola é a maior referência de aprendizado do país hoje. 

Homem negro, careca, vestindo um blazer escuro, sorrindo e com o logo da Wizard à frente

Este website não coleta dados de menores de 12 anos.

(*)Campos obrigatórios

Mais artigos do Blog Wizard

Idiomas

Idioms do inglês: aprenda já as 8 expressões mais usadas

12 de agosto de 2022

Confira alguns exemplos de idioms do inglês e conheça as expressões idiomáticas mais comuns lá fora

 

O que achou da postagem?

0 Comentários

Este website não coleta dados de menores de 12 anos.

*Declaro ter mais de 12 anos.

Ao enviar os dados acima, eu concordo em receber e-mails e mensagens através do WhatsApp da Wizard e outras marcas Pearson. Ver política de privacidade.


(*)Campos obrigatórios

0 Comentários

Ao acessar nosso site, você concorda com a nossa utilização de cookies. Saiba mais em: https://www.wizard.com.br/politica-de-privacidade/