• Contraste
  • Texto
mulher jovem loira abraçada em uma bandeira dos Estados Unidos

Por Redação Wizard
18 de fevereiro de 2022

Conheça as principais conjunções em inglês e confira algumas aplicações práticas em frases e expressões para aprender de vez como usá-las.

Assim como no português, as conjunções em inglês – ou linking words – são parte fundamental da gramática, pois são aquelas palavrinhas que se “encaixam” perfeitamente entre duas frases ou expressões, permitindo assim conectá-las e dar sentido ao contexto.  

É o nosso caso do “porque”, “e”, “ou, “mas”, “porém”, “no entanto” e assim por diante. Ou seja, são detalhes essenciais que vão tornar a sua fala ou escrita mais fluentes e com mais sentido na hora de se expressar.  

E, cá entre nós, essa parte nem é a das mais complicadas, já que as aplicações se assemelham bastante à gramática portuguesa. Por outro lado, as pronúncias demandam um pouquinho de treino!  

Portanto, sem mais delongas, bora conferir e treinar as conjunções em inglês. Anote as dicas, repita em voz alta e crie outros exemplos. Vamos começar?  

Although  

O “although” é uma conjunção em inglês que chamamos de concessiva. Ou seja, ela faz uma ressalva e complementa a ideia principal da frase.  

Na tradução para o português, o although pode ser usado como “embora” ou “apesar de”, por exemplo.  

Confira a aplicação em algumas frases:  

  • Although it was snowing, they went to the movies. – Embora estivesse nevando, eles foram ao cinema.  
  • Although the sun is shining, it’s cold. – Embora o sol esteja brilhando, está frio.  

And 

Bom, essa podemos dizer que é uma clássica entre as conjunções em inglês e está presente em praticamente tudo. Afinal, trata-se de uma conjunção adicional, ou seja, aquela que adiciona uma ideia seguinte como complemento.  

É o nosso “e” no português. Logo, as aplicações práticas se assemelham à nossa gramática também.  

Se liga em alguns exemplos:  

  • He speaks German and Russian. – Ele fala alemão e russo.  
  • He is tall and handsome. – Ele é alto e bonito.  

Because  

Essa também é bem conhecida entre as principais conjunções em inglês, mas para certas pessoas que estão iniciando no idioma ainda pode confundir um pouco quanto a sua aplicação prática.  

Isso porque “because” só é utilizado em respostas e explicações de alguma interrogativa. Ou seja, na tradução em português seria literalmente o mesmo que o nosso “porque” junto. Já o “por que” separado, usado para perguntar alguma coisa, é equivalente ao “why”, entendeu?  

Vamos a alguns exemplos práticos de aplicação do “because” como conjunção explicativa. Anota aí!  

  • They are studying because they will have an important exam tomorrow. – Eles estão estudando porque terão uma prova importante amanhã.  
  • We didn’t go to the beach because it was raining. – Não fomos à praia porque estava chovendo.)  
  • She’s angry because he told his friends about it. – Ela está brava porque ele contou aos amigos dele.  

Além disso, essa conjunção por ser acompanhada de “of”, o que dá um sentido de “por causa de”. Veja um exemplo prático a seguir:  

  • I am late because of the intense traffic. – Eu estou atrasada por causa do tráfego intenso.  

But  

O “but”, ou no nosso português literal “mas” – é comumente utilizado nas frases em inglês e é considerado uma conjunção adversativa.  

Isso significa que, como em nossa gramática, ele dá um sentido adverso à ideia principal. Dá uma olhadinha nos exemplos que separamos a seguir para entender melhor na prática.  

  • She called him, but he didn’t answer the phone. – Ela telefonou para ele, mas ele não atendeu o telefone.  
  • I like the smell of coffee, but I don’t like the taste of it . – Eu gosto do cheiro de café, mas eu não gosto do sabor dele.  

However  

Uma das conjunções em inglês mais importantes e que ajudam a dar mais sentido em certas frases, o “however” pode ser traduzido e aplicado como “entretanto” ou “no entanto”.  

Assim com o “but”, ele também é classificado como uma conjunção adversativa, ou seja, para ligar uma ideia oposta à frase principal.  

Confere aí alguns exemplos:  

  • Canada is a rich country. However, not all canadians are rich. – O Canadá é um país rico. Entretanto, nem todos os canadenses são ricos.  
  • She used to love her job. At some point, however, she lost her motivation. – Ela amava o trabalho dela. A dada altura, entretanto, ela perdeu a motivação.  

If  

Considerada uma conjunção condicional, o if é a tradução literal do “se” em português. Logo, como o próprio nome já sugere, ele é aplicado para expressar uma ideia de condição.  

Veja esses exemplos abaixo:  

  • You can buy it, if you liked. – Você pode comprar isso, se você gostou.  
  • I would have invited him if I knew he wanted to go. – Eu o teria convidado se soubesse que ele queria ir.  

Or  

Outro exemplo entre as principais conjunções em inglês é o “or”, que seria o mesmo que o “ou” em português.  

Sua aplicação é idêntica à nossa gramática e, portanto, dá a ideia de alternativa e escolha dentro da frase.  

Por exemplo:  

  • Which is your favorite color? Blue or green? – Qual a sua cor preferida? Azul ou verde?  
  • Are they brothers or cousins? – Eles são irmãos ou primos?  

Otherwise  

“Por outro lado” ou “caso contrário” podem ser boas traduções para essa conjunção em inglês. Veja um exemplo aplicado para entender o sentido.  

  • I really like my team, otherwise, I would have quit my job. – Eu realmente gosto da minha equipe, caso contrário, eu teria deixado o meu trabalho.  

So  

O “so” é uma das conjunções em inglês mais utilizadas no dia a dia e a sua utilização pode ser tanto para expressar o sentido de “então” como “por isso”.  

Olha o exemplo:  

  • He doesn’t speak English, so he had trouble finding a job. – Ele não fala inglês, por isso, teve dificuldade de encontrar emprego.  

Since  

Para fechar nossa lista de conjunções em inglês mais essenciais, não podia faltar essa também. Em geral, since dá um sentido de “desde”, mas também pode ser aplicado no contexto de “já que”.  

Se liga:  

  • You can use the pool since you pay for it. – Você pode usar a piscina desde que você pague por isso.  
  • Since the government quit the scholarship program, I will have to give up my research. – Já que o governo acabou com o programa de bolsas, terei que desistir da minha pesquisa.  

Em resumo, essas são algumas das principais conjunções em inglês e que são fundamentais para darem algum sentido às frases e expressões que se conectam entre si. Como bem destacamos, apesar das pronúncias serem diferentes, as aplicações se assemelham muito ao português. Então, é só uma questão de prática e treino para aprimorar a fluência!  

Quer praticar mais um pouquinho? Então, bora para o próximo artigo, pois temos mais exemplos de linking words para você treinar. 

Mulher sorrindo olhando para um tablet

Este website não coleta dados de menores de 12 anos.

(*)Campos obrigatórios

Mais artigos do Blog Wizard

Idiomas

Say, speak, talk, tell: entenda a diferença!

27 de maio de 2022

Saiba qual a diferença prática entre os verbos say, speak, talk e tell e confira alguns exemplos de suas aplicações.

 

O que achou da postagem?

0 Comentários

Este website não coleta dados de menores de 12 anos.

*Declaro ter mais de 12 anos.

Ao enviar os dados acima, eu concordo em receber e-mails e mensagens através do WhatsApp da Wizard e outras marcas Pearson. Ver política de privacidade.


(*)Campos obrigatórios

0 Comentários

Ao acessar nosso site, você concorda com a nossa utilização de cookies. Saiba mais em: https://www.wizard.com.br/politica-de-privacidade/