• Contraste
  • Texto
Bandeira norte-americana e britânica na frente do Big Ben em Londres

Por Redação Wizard
04 de agosto de 2021

Conheça um pouco da história do inglês e como o idioma se tornou o mais difundido ao redor do mundo.

Quando o assunto é a história do inglês, o idioma mais difundido ao redor do mundo, a gente percebe como a evolução linguística é algo mágico e super interessante de conhecer, podendo render, inclusive, horas, dias e anos de estudos!

Então, esse é um dos lados mais legais de se aprender um idioma, ou seja, inevitavelmente, junto a isso, você absorve um monte de conhecimento e aprendizado sobre a cultura, tradições e costumes desses países.

Mas como nosso intuito aqui não é de tornar ninguém um especialista em etimologia, nós só listamos algumas das principais curiosidades sobre a história do inglês, suas origens e mutações ao longo dos anos, até chegar ao que conhecemos da língua hoje.

E aí? Bora embarcar nessa viagem incrível pela história de um dos idiomas mais fantásticos do mundo? Então, aperte os cintos, pois já vamos começar!

As origens do idioma inglês lá pelos anos 400

Saber a definição exata da origem de qualquer idioma é um trabalho infindável de estudos e pesquisas, que nem mesmo os grandes linguistas da história conseguiram responder.

Porém, estima-se que a história do inglês começou partir dos anos 400, quando a atual Grã-Bretanha foi ocupada por tribos de Anglo-Saxões, vindas da Europa Central.

Entretanto, é claro que naquela época o idioma era completamente diferente daquele que conhecemos hoje e, por isso, recebe uma outra nomeação: a de Inglês Antigo. Não precisamos entrar em detalhes sobre essas diferenças na prática, até por que esse inglês original já caiu em desuso faz tempo.

Mas, apenas para se ter uma ideia mais ampla, muitos termos e palavras antigas são irreconhecíveis até mesmo para quem é fluente no idioma. Apesar disso, é inegável que o Inglês Antigo tenha servido como a base fundamental para o que conhecemos da língua hoje.

Os vikings ajudaram na formação e expansão do inglês

Quase 600 anos após a chegada das primeiras tribos ao Reino Unido, os vikings se expandiam por todo o norte europeu em suas sangrentas e violentas excursões por mar.

Acredita-se que esses povos eram tão aventureiros que até as Américas (incluindo o Brasil), eles já teriam alcançado, anos e anos antes do que conhecemos como os “descobrimentos” de portugueses e espanhóis. Mas isso é história para um outro post!

O fato é que essas inúmeras excursões e explorações vikings acarretaram também na transformação do inglês antigo, que inevitavelmente agregou novas palavras e termos de dialetos nórdicos, amplamente falados pelos seus guerreiros e navegadores.

Tem tempero francês na receita da história do inglês

Pode soar estranho, mas a história do inglês tem certa influência francesa também.

Afinal, por anos, as invasões Normandas assolaram a Inglaterra e, inclusive, impuseram o francês como idioma oficial da Realeza. Não é à toa que muitas palavras inglesas têm lá suas semelhanças com as francesas, como o verbo “arriver” (to arrive), “fruit”, “peuple” (people), “bier” (beer), entre outras.

Shakespeare ajudou a popularizar o novo inglês

Após o fim da Guerra dos Cem Anos com a França, importantes movimentos literários e artísticos surgiram e o idioma inglês passou a ser difundido de forma mais moderna e acessível ao povo.

Shakespeare foi um dos grandes personagens desse processo e, sem dúvidas, o grande protagonista da evolução da história do inglês como conhecemos hoje.

Só para ter uma ideia, estudiosos acreditam que ele inventou (isso mesmo, inventou!), mais de 1700 palavras do idioma, tais como “alligator”, “puppy dog” e “fashionable”, que até então eram desconhecidas.

O inglês ultrapassa as fronteiras europeias

Após todo esse processo de evolução e atualização do idioma inglês em território britânico, inicia-se a expansão da língua mundo afora, especialmente a partir do século XVI, em que as grandes navegações mudaram o rumo da história global.

Nesse período, navegadores, corsários e piratas passaram a explorar e fazer contato com outras nações até então isoladas da civilização branca, como diversas tribos indígenas e africanas.

Nesse processo colonizatório, praticamente o mundo inteiro ficou sob domínio dos europeus, tendo a Inglaterra como a principal potência marítima durante anos.

Mesmo no Brasil, que não teve sua colonização feita pelos ingleses, houve certa influência em diversos aspectos, como a vinda da família Real Portuguesa, amparada e protegida pela marinha inglesa em todo o trajeto.

A história do inglês não terminou jamais

A história sempre será um ciclo contínuo e sem um ponto final para a sua conclusão. Da mesma forma em que o idioma inglês passou por inúmeras transformações e influências ao longo dos últimos anos, os dias de hoje também são marcados por diversas mudanças e adaptações linguísticas.

Por exemplo, basta passar algumas horas na internet para nos depararmos com expressões e palavras que certamente os Vikings ou Shakespeare coçariam a cabeça para tentar compreendê-las agora. Estamos falando de termos como “OMG”, “LOL” e até mesmo o tal de “cringe”, que tanto se popularizou nesse ano.

Para se ter uma ideia, estima-se que cerca de mil palavras, termos e gírias surjam todo ano no inglês e reforçam que a língua é algo extremamente mutável, flexível e inovadora.

Não há só um inglês! Há muitos deles no mundo!

Ainda que o inglês seja o idioma mais difundido do mundo e, digamos… a língua oficial para se comunicar em qualquer lugar do planeta, é incrível como ele é diferente em cada país, incluindo aqueles que o têm como língua oficial.

E é isso que torna o inglês um idioma mágico e extremamente interessante, em que até os mais fluentes sempre encontrarão motivos para aprender mais e agregar novas palavras ao seu vocabulário.

Enfim, esse é um breve resumo sobre a história do inglês no mundo e como ele se transformou ao longo do tempo se tornando o idioma mais difundido ao redor de todos os continentes.

E por mais rico que seja o seu vocabulário, um dos fatores mais interessantes de se estudar é saber que nunca haverá um ponto final ou um limite para seu total domínio e conhecimento.

O jeito, então, é se transformar e evoluir junto com a história o tempo todo! Curtiu saber um pouco sobre a história do inglês?

Gosta de cultura e de conhecer coisas novas? Então, aproveite e baixe também nosso e-book com tudo o que você precisa sobre a cultura dos Estados Unidos. Boa leitura!

Homem sorrindo e apontando para promoção 2021 entre o logo da wizard

Este website não coleta dados de menores de 12 anos.

Ao enviar os dados acima, eu concordo em receber e-mails e mensagens através do WhatsApp da Wizard e outras marcas Pearson. Ver política de privacidade.

(*)Campos obrigatórios

Mais artigos do Blog Wizard

Cultura

5 séries para conhecer sotaques em inglês

15 de outubro de 2021

Listamos algumas séries para você conhecer os diferentes sotaques em inglês e assim enriquecer o seu listening!

Cultura

Black Friday – O Guia Definitivo

08 de outubro de 2021

 

O que achou da postagem?

0 Comentários

Este website não coleta dados de menores de 12 anos.

*Declaro ter mais de 12 anos.

Ao enviar os dados acima, eu concordo em receber e-mails e mensagens através do WhatsApp da Wizard e outras marcas Pearson. Ver política de privacidade.


(*)Campos obrigatórios

0 Comentários

Ao acessar nosso site, você concorda com a nossa utilização de cookies. Saiba mais em: https://www.wizard.com.br/politica-de-privacidade/