• Contraste
  • Texto
Mulher de camisa azul e homem de camisa branca conversando em uma mesa de reunião

Por Redação Wizard
20 de novembro de 2020

Para potencializar o sucesso do investimento, é importante optar por franquias seguras. Veja dicas para encontrar a franquia certa para investir.

O investimento em franquia oferece, em muitos casos, um modelo comprovado de negócio, o que reduz riscos e potencializa resultados, a partir de uma marca forte e de uma operação eficiente. Isso é característico das franquias seguras.

Na prática, isso quer dizer que há franquias que oferecem diferenciais que tornam algumas opções de investimento em franquia mais seguras do que outras.

Mas, então, como identificar as melhores franquias para investir? Como encontrar franquias seguras? Descubra mais a seguir.

Afinal, todo o investimento em franquia é seguro?

Quando se avalia se as franquias são um bom investimento, a resposta curta é sim – basta encontrar a oportunidade certa para você.

Como um todo, quando se trata de iniciar um novo negócio, o modelo de franquia normalmente apresenta menos riscos, especialmente para quem está começando no mundo do empreendedorismo.

Agora, quando se avalia com mais profundidade se todas as franquias são seguras, percebe-se que nem sempre essa qualidade se aplica a todas as alternativas disponíveis no mercado.

Embora o sistema de franquias conte com mecanismos que ajudam a reduzir os riscos no investimento, há franqueadoras que oferecem opções com mais ou menos potencial de segurança.

A fama em torno da segurança do modelo de franquias foi formada a partir dos resultados entregues por marcas sólidas e reconhecidas, com sistemas de negócio bem-estruturados, com plano de negócios e operacional bem-desenvolvido.

No entanto, nem todas as franquias realmente são criadas e gerenciadas dessa forma.

Portanto, há mais riscos e expectativas irrealistas de sucesso quando se decide investir em franquia sem pesquisar bastante sobre o que está sendo oferecido, as contrapartidas requeridas e o histórico da franqueadora.

Cada franquia é diferente. Alguns franqueadores oferecem muito treinamento e suporte, enquanto outros fornecem assistência limitada. Alguns estão no mercado há décadas, construindo e nutrindo sua marca, enquanto outros são relativamente novos e inexperientes.

Por isso, cada oportunidade deve ser cuidadosamente avaliada para identificar franquias seguras e garantir o investimento em um empreendimento promissor.

Uma maneira de diminuir o risco é obter o conhecimento necessário para tomar uma decisão baseada em fatos. Conhecimento é poder, certo?

Dicas para identificar franquias seguras

Como vimos, pesquisar e munir-se de informações é o melhor caminho. Durante essa etapa, alguns pontos merecem especial atenção para detectar franquias seguras, tais como:

1. Franquias seguras são regularizadas e seguem a Lei de Franquias

Um bom ponto de partida ao avaliar uma franquia é fazer uma checagem básica se ela segue as regras que regem o mercado de franchising. Tudo isso consta na chamada Lei de Franquias –  a lei número 13.966, de 26 de dezembro de 2019.

Você pode começar pelo mais básico, que é verificar se o CNPJ apresentado realmente corresponde à franqueadora e, ainda, se sua situação cadastral na Receita Federal consta como “ativa”. Isso é realmente simples, mas pode te ajudar a evitar golpes e outras ciladas.

Depois, se a negociação for encaminhada, avalie com cuidado a COF (Circular de Oferta de Franquia), se ela apresenta todos os dados importantes para sua tomada de decisão, se as informações financeiras fornecidas estão completas, etc. 

2. Histórico de sucesso comprovado é sinal de uma franquia mais segura

É importante olhar com cuidado o histórico recente de sucesso para a oportunidade potencial de franquia que você está considerando. O número de aberturas, fechamentos, transferências e rescisões nos últimos anos pode fornecer indícios valiosos.

O histórico é um dos melhores indicadores de sucesso em um sistema de franquia. É indicado considerar aqui não apenas a rapidez com que a marca está crescendo, mas o desempenho dos franqueados existentes no sistema, se há consistência nesses resultados ou se não há. 

Tudo isso pode indicar se o produto ou serviço é um modismo do momento e se é ou não sustentável no longo prazo.

Com franqueadores novos, no entanto, o histórico e a previsão de sucesso podem ser um pouco mais complicados, pois o número de unidades abertas por tempo suficiente para prever o sucesso pode ser limitado e a promessa do franqueador de ter um “sistema comprovado” possivelmente um pouco prematura.

Outro aspecto que pode elevar o risco nesse tipo de franquia é que, embora as unidades subjacentes que basearam o sistema de franquia possam ter sido bem-sucedidas, o franqueador pode estar expandindo para um novo território onde sua marca é desconhecida e não testada.

3. Franquias seguras têm marca forte

Ao se tornar parte de uma marca de franquia conhecida, você praticamente terá reconhecimento e clientes interessados já no início do seu contrato. Assim, esse nível de conhecimento e força de marca exerce uma influência considerável no sucesso que você pode alcançar como franqueado.

Por isso, franquias já bem-estabelecidas, normalmente, oferecem um nível mais alto de reconhecimento da marca. Isso faz com que haja tantas franquias seguras que já atuam no mercado há anos e continuam crescendo com planos consistentes de expansão.

De forma geral, o cliente mostra-se mais atraído e disposto a confiar em uma marca de franquia já conhecida, que lhe seja familiar e que tenha outros clientes satisfeitos com o produto ou serviço oferecidos por ela. 

Isso ajuda, e muito, a otimizar resultados e reduzir riscos. Você deve imaginar que uma das partes mais difíceis de iniciar qualquer novo negócio é encontrar seus primeiros clientes, certo?

Tudo fica mais fácil ao investir em uma franquia com marca forte, com ações de marketing locais e nacionais. Uma marca estabelecida e reconhecida pode oferecer a você um caminho acelerado para a lucratividade, trazendo clientes em potencial desde o primeiro dia.

4. Franquias seguras transferem know-how

Outro critério importante para detectar franquias seguras é verificar se as franqueadoras em questão realmente fazem a transferência de know-how. Afinal, essa é uma das chaves para o sucesso da franquia, seu modelo e suas práticas comprovadas e já testadas no mercado.

Portanto, cheque se isso é realmente feito, converse com outros franqueados, verifique se há manuais, padrões operacionais, treinamentos ou outras formas de essa transferência ocorrer a novos investidores.

5. Franquias seguras têm franqueados satisfeitos

Conforme a Lei de Franquias, as franqueadoras devem fornecer aos candidatos a franqueados uma listagem com as unidades em operação e desligadas nos últimos anos. Isso inclui o contato dos responsáveis por essas unidades. 

Utilizar esses dados para uma pesquisa é fundamental para encontrar franquias seguras. Conversar com quem já esteve onde você está poderá fornecer um quadro realista sobre diversos aspectos do negócio. 

Você poderá ouvir suas experiências e investigar o nível de suporte que o franqueador, de fato, oferece, verificar quanto tempo levou para suas unidades tornarem-se lucrativas, etc. Desse modo, você poderá evitar armadilhas e identificar as oportunidades mais confiáveis. 

6. Franquias seguras oferecem amplo apoio aos franqueados

Todos os bons franqueadores entendem que seu sucesso depende do sucesso de seus franqueados. Nesse sentido, franquias seguras oferecem o treinamento e o suporte necessários para que o investidor opere seu negócio com sucesso.

Com isso, as franquias seguras, além do programa de treinamento inicial, que irá ensiná-lo a administrar cada elemento de sua franquia, do marketing à contabilidade, também irão proporcionar acesso a suporte contínuo.

7. Franquias seguras estão em segmentos sólidos e de alta demanda

Outro aspecto a considerar na procura por franquias seguras é dar preferência a opções que não sejam modismos ou tendências de curta duração.

No segmento de alimentação, por exemplo, esse risco pode ser maior, pois o consumidor está sempre em busca de uma novidade e não se fideliza tão facilmente.

Isso é minimizado em outros segmentos, como o de franquias de educação. A demanda por educação é constante e permanece consistente mesmo diante de instabilidades no mercado. Durante a pandemia, por exemplo, a procura por apoio educacional se manteve forte. 

Isso significa que atuar em um mercado com demanda mais estável e contínua pode ajudar a reduzir riscos e a desenvolver um negócio rentável e seguro.

Conclusão

Se você se interessou por essa oportunidade, baixe o infográfico para ter um checklist para avaliar franquias de idiomas.

Confira + dicas de franquias da Wizard:

Homem negro, careca, vestindo um blazer escuro, sorrindo e com o logo da Wizard afrente

Preencha para receber mais detalhes sobre franquias Wizard

    Ao enviar os dados acima, eu concordo em receber e-mails e mensagens através do WhatsApp da Wizard e outras marcas Pearson. Ver política de privacidade.

    (*)Campos obrigatórios

    Mais artigos do Blog Wizard

    Franquias

    Por que franquia é um bom negócio?

    15 de setembro de 2021

    Ao investir numa franquia, você tem bastante suporte do franqueador e troca de experiências com quem já faz sucesso com a mesma marca.

     

    O que achou da postagem?

    0 Comentários

    Este website não coleta dados de menores de 12 anos.

    *Declaro ter mais de 12 anos.

    Ao enviar os dados acima, eu concordo em receber e-mails e mensagens através do WhatsApp da Wizard e outras marcas Pearson. Ver política de privacidade.


    (*)Campos obrigatórios

    0 Comentários

    Ao acessar nosso site, você concorda com a nossa utilização de cookies. Saiba mais em: https://www.wizard.com.br/politica-de-privacidade/